Especialidades

Saiba o que faz um gastroenterologista

Descubra o que faz um gastroenterologista e se essa é a especialização certa para você!

3
minutos de leitura

Muito além do médico generalista, a Medicina oferece uma ampla gama de possibilidades de especialização para os graduados que desejam se aprofundar em uma área específica da saúde. 

Com tantas opções, conhecê-las se torna essencial para quem ainda está em processo de tomada de decisão sobre qual especialidade seguir em sua carreira. 

O artigo de hoje é dedicado a falar sobre a gastroenterologia, uma área da Medicina que atrai muitos profissionais todos os anos. Continue a leitura para descobrir mais sobre a profissão e o panorama do mercado de trabalho.

O que faz o médico gastroenterologista?

O gastroenterologista é o médico especialista responsável pela prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças e problemas relacionados ao trato gastrointestinal e tudo o que envolve seu funcionamento.

Há outras especialidades médicas relacionadas à gastroenterologia, responsáveis por atuar em áreas ainda mais específicas, como a hepatologia (fígado e vias biliares e a proctologia).

Leia também:  Afinal, o que faz um proctologista?

As principais doenças tratadas pelo gastroenterologista são:

  • Gastrite e úlcera gástrica;
  • Doença do refluxo gastroesofágico;
  • Hepatite e cirrose;
  • Síndrome do intestino irritável;
  • Pedra na vesícula;
  • Doença inflamatória intestinal;
  • Intolerância à lactose.

Panorama do mercado de trabalho

O gastroenterologista pode atuar em clínicas e hospitais, realizando consultas, exames, plantões, receitando medicamentos e realizando procedimentos cirúrgicos.

Segundo dados da Demografia Médica no Brasil 2020, nosso país conta com 5.377 gastroenterologistas titulados, sendo, deste total, 49,5% com atuação nos estados da região Sudeste.

Do lado oposto está a região Norte do país, que conta com apenas 3% dos médicos especializados em gastroenterologia. 

O mercado de trabalho tende a ser mais promissor em regiões onde há menos oferta de médicos para a população. No entanto, também é possível encontrar excelentes oportunidades nos grandes centros urbanos, como São Paulo e Rio de Janeiro.

Confira: Especialização médica: por que você deve pensar desde o início da graduação?

No início da carreira, muitos gastroenterologistas optam por atuar em grupos de saúde já consolidados, como clínicas e hospitais. A trajetória em consultórios próprios também é uma opção, sendo visto como segundo passo para a maioria dos profissionais.

Quanto ganha um proctologista?

A remuneração desta especialidade pode variar de acordo com a localidade do país, seguindo, também, a oferta e procura por profissionais da área. 

Semelhante a de outras especialidades clínicas, um médico gastroenterologista tem um salário inicial médio de R$ 5.924,31 para uma jornada de trabalho de 20 horas semanais. O teto salarial para esta mesma jornada é de R$ 11.425,46.

Pós-graduação em Gastroenterologia

Para atuar como gastroenterologista, o graduado em Medicina deve realizar uma pós-graduação em Gastroenterologia. 

A especialização prepara o médico para atuação, e conta com conteúdos voltados aos saberes teóricos científicos e de prática profissional. Entre os tópicos abordados em uma pós-graduação em Gastroenterologia estão:

  • Conhecimento teórico das doenças do aparelho digestivo;
  • Desenvolvimento de análise crítica da literatura comumente publicada em artigos de revista sobre o assunto;
  • Realizar anamnese e exames físicos adequados;
  • Saber interpretar e solicitar os exames laboratoriais e complementares;
  • Desenvolver o raciocínio clínico para os diagnósticos diferenciais das doenças gastrintestinais;
  • Entre outros temas fundamentais para os profissionais médicos de gastroenterologia. 

Podem cursar uma pós-graduação em Gastroenterologia os médicos atuantes ou recém-formados com registro profissional no Conselho Federal de Medicina (CFM). Com a pós-graduação, os profissionais podem atuar na área e, posteriormente, prestar uma prova de título da categoria. 

Quer saber mais sobre outras especialidades médicas? Confira nossa seção sobre este tema no Blog Graduação Afya!